Institucional

Na década de 1970, em meio às turbulências políticas que o Brasil atravessava, alguns professores de Direito Constitucional vinham promovendo o estudo aprofundado e a pesquisa desse ramo da Ciência Jurídica.

Logo vislumbraram a necessidade de criar-se uma entidade que passasse a reunir os constitucionais do País, entendido como todos aqueles que tivessem militância no magistério do Direito Constitucional ou que se dedicassem à sua pesquisa e divulgação, no Brasil e além.

Com esse animus, em 20 de fevereiro de 1979, Professores liderados por Celso Ribeiro Bastos, reuniram-se para constituir uma associação civil, sem fins lucrativos, políticos ou religiosos à qual denominaram IBDC – Instituto Brasileiro de Direito Constitucional.

Nesses longos anos de existência, o IBDC não se afastou de suas finalidades precípuas, quais sejam, desenvolver o estudo do Direito Constitucional no Brasil; promover intercâmbio cultural com entidades congêneres nacionais e estrangeiras; realizar congressos e seminários; editar estudos e revistas.

Objetivando a divulgação de estudos e pareceres jurídicos de âmbito nacional e internacional, o IBDC editou primeiramente seu Boletim, que logo evoluiu para Revista de Direito Constitucional e Ciência Política, hoje a Revista de Direito Constitucional e Internacional – RDCI.

Assim, os Associados do IBDC recebem as Revistas de Direito Constitucional e Internacional e descontos especiais nos eventos promovidos.

Atualmente sob a Presidência do Prof. Dr. Antonio Carlos Mathias Coltro e a Diretoria Geral da Profª Dra. Maria Garcia, o IBDC continua atuante, visando sempre a divulgação do Direito Constitucional, mantendo assuntos atuais e pertinentes em suas publicações e Congresso e atuando, na trincheira, pela ordem, pela paz e pela justiça.